Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Atletas do Londrina Atletismo seguem brilhando na temporada 2021 Atletas do Londrina Atletismo seguem brilhando na temporada 2021

Atletas do Londrina Atletismo seguem brilhando na temporada 2021

Wednesday, 29 de September de 2021

Livia Avancini, Tatiane Raquel Silva e Gabriela Tardivo são alguns dos destaques da equipe local que vem colecionando conquistas e boas posições

Gabriela Tardivo venceu os 3.000 metros e obteve o melhor resultado deste ano na categoria

Trio de maior destaque atualmente no atletismo londrinense, Livia Avancini, Tatiane Raquel Silva e Gabriela Tardivo novamente chamaram a atenção ao se destacarem em competições importantes, em nível estadual e internacional. No último final de semana, as três atletas subiram mais uma vez no lugar mais alto do pódio: as duas primeiras no Campeonato Paranaense Adulto, e a última com a seleção brasileira, no Campeonato Sul-Americano Sub-18, no Paraguai.

Tatiane Raquel Silva, que voltava de uma pausa após participar dos Jogos Olímpicos de Tóquio, venceu as provas dos 1.500 metros e 5.000 metros do campeonato estadual disputado em Cascavel. Nesta temporada, a atleta já havia faturado também o título do Troféu Brasil, maior competição de atletismo da América Latina, e o Campeonato Sul-Americano adulto.

Segundo a atleta, a temporada está sendo muito boa, marcada pela entrega e superação. “Sigo trabalhando firme por mais objetivos e é sempre importante conquistar bons resultados para ganhar confiança e ritmo também”, comentou Silva, que bateu o recorde nacional dos 3.000 metros com obstáculos durante sua participação em Tóquio.

Foto: Divulgação

Atleta da equipe Londrina/FEL/IPEC desde os 15 anos, Livia vive também sua temporada mais brilhante na carreira. Em 2021, sagrou-se campeã brasileira no Troféu Brasil e sul-americana pela primeira vez. E agora bate novamente o recorde do campeonato paranaense no arremesso: 16, 77 metros. Detalhe: o recorde anterior já era dela. De quebra, ainda foi eleita como melhor atleta da competição.

“Feliz demais de poder mais uma vez representar bem a minha equipe, trazer esse título pra Londrina. Acho que tudo isso só me traz a certeza de que posso acreditar mais, crescer mais e sonhar mais alto. Tem sido uma temporada incrível, todo sacrifício tem valido a pena por viver tudo isso”, destacou Livia, que tem como principal foco buscar uma vaga nos Jogos Olímpicos de Paris, em 2024.

Livia e Tatiane ajudaram a equipe londrinense a alcançar o segundo lugar entre as mulheres e o terceiro posto geral do estadual em Cascavel.

Foto: Divulgação

Sul-Americano – No Paraguai, também teve pódio da equipe londrinense. Gabriela Tardivo venceu os 3.000 metros com a marca de 10:02.39, o melhor resultado deste ano na categoria. Foi seu segundo título internacional – em 2018, ela já havia sido campeã sul-americana escolar. “Sem palavras, só agradecer a todos que estão sempre me apoiando e incentivando. Estou muito feliz”, celebrou a jovem, campeã brasileira sub-18 dos 1.500 metros e 3.000 metros no mês passado.

Medalhista de prata nos 200 metros e bronze nos 100 metros no Brasileiro Sub-18, Nicole Braz Domene conquistou duas medalhas. Foi ouro no revezamento 4 x 300 metros e prata no revezamento 4 x 100 metros. “É um momento inesquecível para mim. Representar o meu país e ainda conquistar duas medalhas é fantástico”, disse a atleta.

A seleção brasileira que faturou mais um título sul-americano contou também com outros dois convocados londrinenses: Luís Felipe Abílio, do lançamento do martelo, e o fisioterapeuta Raphael Henrique Cruz, fato inédito para a equipe.

O Projeto Londrina Atletismo conta com incentivo da Copel e Governo do Paraná, através do programa Proesporte, e tem patrocínio da Prefeitura de Londrina e Fundação de Esportes de Londrina (FEL), através do Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe), Instituto Paranaense de Esporte e Cultura (IPEC) e Colégio Ética; e parceria da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Maximus Assistencial, Ivot Ortopedia, Ômega Diagnósticos, Espaço Saúde Integral Londrina e Academia AS Fitness.

Fonte: N.Com