Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Pedidos de isenção do Vestibular 2021 começam dia 31 Pedidos de isenção do Vestibular 2021 começam dia 31

Pedidos de isenção do Vestibular 2021 começam dia 31

Monday, 31 de August de 2020
Categoria:

Começam na segunda-feira (31), a partir das 12 horas, as inscrições para solicitação de isenção ou desconto – 30% ou 50% – do valor da inscrição do Vestibular 2021 pelo processo de análise socioeconômica. As inscrições ficam abertas até 10 de setembro, às 23h59, no endereço da Coordenadoria de Processos Seletivos (COPS).

Conforme a instrução de serviço conjunta SEBEC/COPS/PROAF N° 001/2020, os interessados deverão enviar os documentos exigidos pela Internet, no formato JPG, PDF ou PNG. A partir da análise socioeconômica, a UEL concederá isenção total, ou os respectivos descontos, do preço público cobrado pela inscrição, ou seja, R$ 135,00.

Divulgação

A seleção socioeconômica terá caráter eliminatório, realizada com base em parâmetros sociais de carência socioeconômica, definidos pela Divisão de Serviço Social, do Serviço de Bem-Estar à Comunidade (SEBEC). O resultado final sai dia 23 de outubro. Após o Resultado Final, será obrigatório o preenchimento do Formulário de Inscrição do
Processo Seletivo Vestibular 2021, no endereço eletrônico COPS.

Pelo cadastro do Número de Identificação Social (NIS)/CaDúnico, o total de 2.764 candidatos solicitaram a isenção. O resultado final sai nesta segunda-feira (31), a partir das 18 horas, na página da COPS.

Vestibular 2021 – O período de inscrições do Vestibular 2021 começa dia 14 de setembro e termina em 30 de outubro. As provas serão aplicadas em fase única, marcada para dia 14 de março de 2021, com formato aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE).

Serão 36 questões objetivas de Conhecimentos Gerais; 10 de Língua Portuguesa e Literatura e quatro de Língua Estrangeira. Também será aplicada a prova de redação, com tema único. Os candidatos terão cinco horas para responder todas as questões e fazer a redação.

Fonte: Agência UEL