Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Clima de otimismo marca Ficafé 2013 Clima de otimismo marca Ficafé 2013

Clima de otimismo marca Ficafé 2013

Friday, 04 de October de 2013
Categoria:

Empenho

As chuvas e as geadas ocorridas no último inverno prejudicaram a produção de cafés especiais no norte pioneiro do Paraná. De acordo com o presidente da Associação dos Cafés Especiais do Norte Pioneiro do Paraná (ACENPP), Luiz Roberto Saldanha Rodrigues, os 300 produtores que integram o Projeto de Cafés Especiais na região tiveram prejuízos na última safra.

As condições climáticas também devem afetar as próximas colheitas, já que a cultura do café é bienal. No entanto, as adversidades não desanimam os produtores, que investem em novas tecnologias e na capacitação, para manter a qualidade no cultivo de cafés especiais e certificados.

O empenho dos produtores pode ser mensurado pela qualidade das amostras apresentadas no “I Concurso de Qualidade Sabores do Norte Pioneiro do Paraná”, a mais destacada novidade da Feira Internacional de Cafés Especiais do Norte Pioneiro do Paraná – FICAFé 2013, realizada pelo Sebrae/PR e pela ACENPP, em Jacarezinho. O resultado do concurso foi divulgado na abertura oficial do evento, na última quinta-feira, dia 3.

No total, 127 amostras foram inscritas no Concurso, sendo que 82 foram aprovadas e 70 foram selecionadas para a fase final. “Entre elas, 30 amostras de 22 produtores tiverem pontuação superior a 84 pontos, de acordo com a tabela SCAA, uma metodologia internacional utilizada para estabelecer uma pontuação para o produto”, explica Luiz Roberto Rodrigues.

Ele diz ainda que os cafés especiais são aqueles que alcançam uma pontuação acima de 80 pontos na tabela SCAA. As amostras que atingem uma pontuação acima de 84 pontos são consideradas taças de excelência. A amostra com a pontuação mais alta do Concurso obteve 88 pontos. O júri foi composto por cinco Q-Graders, especialistas que utilizam referências sensoriais e atributos do café para classificar a bebida, baseados em um mesmo critério de avaliação mundial.

Fonte: Sebrae/PR