Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias

Combinação perigosa entre álcool e direção é tema de ações do Maio Amarelo nesta semana

quarta, 24 de maio de 2023
Categoria

Programação conta com abordagens em bares, simulação de acidente e blitze da Lei Seca

A quarta semana de atividades do Maio Amarelo em Londrina começa nesta quarta-feira (24), a partir das 19h, com uma ação educativa sobre os riscos associados à direção após o consumo de bebida alcoólica. O trabalho de conscientização será realizado em bares instalados na praça de alimentação do Catuaí Shopping, na região sul da cidade.

Na oportunidade, agentes da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), da Polícia Militar e do Detran-PR farão a abordagem de clientes para oferecer orientações de segurança, entregar materiais informativos e distribuir bafômetros descartáveis, que poderão ser levados para casa ou utilizados na hora.

Os dispositivos contam com balão, bocal e reagentes químicos que indicam uma mostra representativa da concentração de álcool no sangue. Sem validade legal, eles são úteis para que o próprio motorista faça o autoteste e avalie se está em condições de dirigir.

De acordo com o gerente de comunicação da CMTU, Carlos Eduardo Ribeiro, o objetivo é demonstrar aos condutores que até mesmo pequenas porções de álcool são suficientes para alterar a percepção do indivíduo ao volante.

Durante o bate papo com os frequentadores dos estabelecimentos, algumas pessoas também serão convidadas a utilizar o etilômetro, aparelho empregado em operações oficiais de fiscalização. Aqueles que toparem o desafio e passarem no teste, isto é, não apresentarem taxas de álcool acima do nível tolerado, ganharão de brinde uma camiseta alusiva ao Maio Amarelo.

Já os que forem reprovados na dinâmica serão aconselhados a voltar para casa de táxi, motorista de aplicativo ou na companhia de alguém que não tenha bebido. Segundo Ribeiro, o alerta se justifica porque, nos 32 casos de morte instantânea (no local do acidente) no trânsito em Londrina em 2021, o consumo de bebida foi observado em aproximadamente 30% das ocorrências.

“Isso sem falar nos óbitos registrados em hospital ou nas hipóteses em que, pelo uso de substâncias injetadas pelos socorristas no intuito de reanimar a vítima, a alcoolemia foi mascarada. Acreditamos que a combinação entre bebida e direção pode ter sido responsável por até 50% das mortes instantâneas contabilizadas nas vias da cidade naquele ano”, afirmou o gerente.

Programação – Além do centro de compras da região sul, na quinta-feira (25) a ação será realizada – também no mesmo horário – em bares e restaurantes do Boulevard Londrina Shopping, situado na zona leste. Antes disso, na parte da manhã, uma simulação de desencarceramento no Calçadão buscará sensibilizar quem estiver passando pelo local.

A encenação ocorrerá no trecho entre a avenida São Paulo e a rua Professor João Cândido, onde homens do Corpo de Bombeiros utilizarão ferramentas reais para resgatar atores – maquiados como se estivessem gravemente feridos – de veículos acidentados.

Na noite de sexta-feira (26), uma ação integrada entre as forças de segurança promoverá blitze da Lei Seca em diversos pontos do município. Os bloqueios visam coibir o uso de álcool ao volante e serão realizados simultaneamente, com participação da CMTU, Guarda Municipal (GM), polícias rodoviária Estadual e Federal (PRE e PRF), além de oficiais do 30º e do 5º Batalhão de Polícia Militar (PM) de Londrina.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece que, além da perda de 7 pontos na carteira em decorrência de infração gravíssima e da possibilidade de multa multiplicada por 10, o condutor autuado por dirigir sob efeito de álcool pode também ser penalizado com a suspensão do direito de dirigir, válida por 12 meses.

Quando os testes de alcoolemia indicam a presença de, pelo menos, 0,3 miligrama de álcool por litro de ar alveolar, a atitude do motorista pode ainda ser considerada crime de trânsito. Nesses casos, o indivíduo vai preso e fica à disposição da Justiça.

Fonte: N.Com