Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Registros de violência doméstica caíram neste fim de ano no PR Registros de violência doméstica caíram neste fim de ano no PR

Registros de violência doméstica caíram neste fim de ano no PR

Friday, 15 de January de 2021
Categoria:

Polícia Civil do Paraná registrou queda de quase 37% nos casos de violência doméstica

Segundo dados divulgados pela Polícia Civil do Paraná (PCPR), os primeiros 15 dias da operação Verão Consciente 2020/2021 apresentaram números positivos, com uma queda de 36,8% nos casos de violência doméstica se comparado com o fim do ano de 2019. A estatística enquadra o período de 21 de dezembro a 5 de janeiro, onde também foram registradas quedas em outros crimes, como roubo (30,6%), furtos (3,1%) e crimes contra a dignidade sexual (33,3%).

Se comparado com a última quinzena de 2019, que teve 125 ocorrências de violência doméstica no período, 2020 teve 46 a menos, ficando com 79 registros. A Polícia Civil acredita que essa queda se dá pelo isolamento social, causado pela pandemia de COVID-19, o que consequentemente diminui o número de hospedagens e, dessa forma, menos famílias estavam passando o fim de ano no litoral.

Os casos de violência doméstica também caíram em Paranaguá, Matinhos, Guaratuba e Morretes. Mesmo sendo municípios menores e com um índice bem mais baixo de ocorrências, a queda nesse mesmo período também é notável: em Paranaguá foi de 15 para 13 casos; em Matinhos, de 30 para 19 casos; em Guaratuba, de 22 para 14 casos; e, por fim, em Morretes, de dez para cinco casos.

Os crimes de feminicídio (homicídio contra mulher por discriminação de gênero) também diminuíram significativamente, caindo de três para apenas um caso no litoral. Vale lembrar que o crime de violência doméstica não se limita somente à violência contra a mulher, mas para qualquer tipo de comportamento agressivo dentro do ambiente familiar. As vítimas também podem ser crianças, idosos ou qualquer pessoa que esteja integrada nesse meio.

Esse é um crime um tanto comum nas festas de fim de ano, principalmente em lugares com uma grande concentração de famílias, que a princípio estão lá para celebrar. Foi pensando em controlar melhor essas situações que a PCPR criou a operação Verão Consciente, que coloca mais viaturas nas ruas e atua de forma mais intensa na região.

Para fazer uma denúncia ou abrir um Boletim de Ocorrência, o público pode procurar uma viatura ou a Delegacia Móvel, um ônibus da Polícia Civil que fica em lugares estratégicos e de fácil acesso, a fim de atender o maior número possível de pessoas. Lá, é possível se informar ou receber orientações de como proceder em casos de violência doméstica ou outros crimes.

Divulgação