Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Carnaval mais caro: pedágio e ônibus com reajuste e mais multas na BR-277 Carnaval mais caro: pedágio e ônibus com reajuste e mais multas na BR-277

Carnaval mais caro: pedágio e ônibus com reajuste e mais multas na BR-277

Friday, 24 de February de 2017
Categoria:

Além de pagar mais em tarifas para viajar, folião precisa tomar cuidado para não levar multas ao passar por novos radares

O folião já pode preparar o bolso. Neste carnaval, a festa do Rei Momo vai custar mais caro para quem resolver pegar a estrada para curtir o fim de semana. No Paraná, o aumento nos preços atingiu pedágio e a passagem de ônibus. E tem mais: a BR- 277, entre Curitiba e o litoral, ganhou sete novos radares. Quem ultrapassar o limite de velocidade permitido pode ter, alguns dias depois, uma multa chegando em casa.

Confira em quanto o carnaval deste ano ficou mais caro:

Pedágio

O reajuste nas tarifas de pedágio cobradas nas BRs 376 e 116, no Paraná, e na BR 101, no trecho entre Curitiba e Florianópolis, em Santa Catarina, passou a valer nesta sexta-feira (24). O aumento na tarifa, de R$ 2,30, para R$ 2,60, abrange as praças de São José dos Pinhais (PR) e as catarinenses Garuva, Palhoça, Araquari, Porto Belo e Palhoça.

Todos os trechos são administrados pela concessionária Autopista Litoral Sul.

Passagem de ônibus

O aumento de 4,82% nas passagens de ônibus interestaduais e internacionais vale a partir deste sábado (25), quando milhares de viajantes passam pelas rodoviárias do país. Só em Curitiba, o previsto para o sábado de carnaval é de 17,5 mil pessoas, mais que o dobro de um período normal.

O reajuste deve pesar no bolso de quem deixou para comprar a passagem de última hora e segue para o litoral de Santa Catarina e São Paulo – os destinos interestaduais mais procurados pelos curitibanos.

Radares

Os sete novos radares da BR-277, entre Curitiba e Paranaguá, já estão funcionado na Serra do Mar, Morretes e Paranaguá. Com o incremento, agora são nove radares de velocidade neste trecho.Segundo a Polícia Rodoviária Federall (PRF), os equipamentos serão flixos. A instalação tem por objetivo frear o desrespeito ao limite máximo de velocidade da BR-277, de até 80km/h.

A multa para quem trafegar em até 20% acima da velocidade máxima permitida é de R$ 130,16 (mais perda de quatro pontos na habilitação). Até 50% acima do limite, o valor sobe para R$ 195,23 (cinco pontos). Em mais de 50%, o valor passa para R$ 880,41 (apreensão da CNH e suspensão do direito de dirigir).

Fonte: Gazeta do Povo