Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Histórico Histórico Histórico

Histórico

Monday, 12 de April de 2010
Categoria:

O povoamento da região onde hoje se encontra o
Município de Guaraci teve início no ano de 1945. A história de Guaraci
está ligada à de Jaguapitã, município que, apesar de ser pouco mais
antigo, também se inclui no rol dos municípios novos do Paraná.
Efetivamente, Jaguapitã foi elevado à categoria de distrito em 30 de
dezembro de 1943, e à de município em outubro de 1947. Mas o fenômeno
que é comum à toda região do norte do Paraná não se restringe ao
Município de Jaguapitã ou ao de Guaraci: é uma decorrência do “rush” do
café. As numerosas cidades surgidas do dia para a noite em todos os
quadrantes da região; a derrubada violenta das matas; a penetração, por
vezes racionalizada, das florestas; o cultivo do solo, feraz e bravio;
a transformação de zonas inóspitas e perigosas, tudo isso foi obra
rápida, realizada de afogadilho.

Em
sua maioria, as cidades do setentrião paranaense, tiveram origem num
patrimônio, isto é, num loteamento de terras roxas, próprias à cultura
do café. Um proprietário da gleba, firma individual e coletiva,
procedia a medição e demarcação da terra, organizava o plano de
loteamento, fundava o patrimônio. Estavam lançados os alicerces de uma
futura cidade. Tudo girava em torno do comércio da terra, do seu
aproveitamento racional da cultura do solo, do plantio de café. Assim
nasceram várias dezenas de cidades do norte do Paraná. Assim se
processou a colonização e o povoamento de toda a vasta região
fisiográfica do Estado. Prevaleceu a política da pequena propriedade,
da fundação de núcleos populacionais denominados patrimônio. Foi
precisamente essa política adotada pela Companhia de Terras do Norte do
Paraná; e foi essa a política seguida, por diversas outras firmas e
empresas imobiliárias de menor vulto, mas que muito contribuíram para o
progresso e desenvolvimento da região, com a criação de patrimônio,
fundação de cidades, aberturas de estradas e de vias de comunicações,
aproveitamento das terras e povoamento do solo.

Guaraci,
dando início aos trabalhos de fundação de um patrimônio, no quilômetro
24 da Estrada de Jaguapitã, foi colonizada por Carlos Luiz Costa,
Augusto Lourenço da Silva, Norberto da Silva e João Firmino dos Santos
que chegaram ao local em 1945.

Em 1947, Guaraci passou a denominar-se Colônia de São Sebastião do Guaraci.

Naquela
época já existiam dez casas de madeira, cobertas de tabuinhas. Foi
elevada à categoria de distrito administrativo, integrando o quadro
territorial do Município de Jaguapitã, pela Lei Estadual nº 253, de 26
de novembro de 1954 era elevado à categoria de município, desmembrado
do de Jaguapitã.

Na data de instalação, em 01 de dezembro de 1955, foram empossados o primeiro Prefeito, Senhor João Giuli e Vereadores.

Compreende o distrito administrativo de Bentópolis, criado pela Lei Estadual nº 3382, de 26 de outubro de 1957.

Em
divisão territorial datada de 31 de dezembro de 1963, o município é
constituído de 2 distritos: Guaraci e Bentópolis. Assim datada a
divisão até os dias atuais.