Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Universidade de Coimbra abre oportunidades para brasileiros Universidade de Coimbra abre oportunidades para brasileiros

Universidade de Coimbra abre oportunidades para brasileiros

Monday, 12 de April de 2021
Categoria:

Além da facilidade linguística, brasileiros são atraídos pela oportunidade de estudar em um país europeu. Oportunidade favorece os que foram bem no Enem

O número de brasileiros que se aventuram a cursar a Universidade de Coimbra, em Portugal, vem aumentando a cada ano. A possibilidade de estudar em um país europeu é um dos principais motivos que causam a atração dos jovens, mas os benefícios para quem toma esta decisão são maiores do que isso.

Além da chance de cursar a mais antiga e conceituada faculdade de Portugal, os estudantes brasileiros terão em mãos um diploma respeitado em todos os países que compõem o Espaço Europeu de Ensino Superior. Um fator como este, em conjunto com a experiência de intercâmbio, são valorizados e, consequentemente, concedem pontos a mais em processos seletivos para vagas de emprego.

A Universidade de Coimbra passou a aceitar brasileiros, por meio da nota do Enem, em 2014, pelo Decreto-Lei 36, que liberou aos estrangeiros o acesso ao ensino superior no país. Ela está entre as 20 melhores do mundo no cumprimento do indicador Saúde e Bem-Estar, o terceiro Objetivo de Desenvolvimento Sustentável da ONU.

O sistema de ensino da instituição funciona por ciclos. As vagas estão distribuídas em 49 cursos de licenciatura, com duração de seis a oito semestres, que conferem o diploma para exercício profissional. Contudo, algumas áreas como engenharia, odontologia, arquitetura e outras demandam maior tempo de especialização, incluindo na licenciatura o mestrado por mais quatro a seis semestres. Os profissionais formados nesta modalidade recebem, além do diploma, o grau de mestre.

Como ingressar

Para brasileiros, o ingresso pode ser feito a partir do uso da nota do Enem dos últimos cinco anos. A Universidade de Coimbra designa um peso próprio para as notas; sendo assim, cinco pontos no Brasil equivalem a um ponto em Portugal, e o mínimo aceito são 120 pontos, o equivalente a 600 pontos da média do Enem. Este valor chega a ser menor do que muitos cursos oferecidos por universidades federais do Brasil.

É importante que todo o planejamento seja feito com antecedência. Uma alternativa é experimentar a calculadora do Enem, para confirmar se a média atingida foi suficiente para o  ingresso. Assim, você terá mais tempo para se preparar e dar os próximos passos.

A organização financeira será fundamental, até porque não existem apenas os custos com moradia. A anuidade da universidade está estipulada em, aproximadamente, 7 mil euros, mas estudantes que obtiverem 180 pontos e comprovarem a necessidade de apoio financeiro podem concorrer a bolsas de estudo, que dão direito a desconto integral.

O ano letivo em Coimbra se inicia em setembro, mas o processo de seleção é dividido em quatro etapas, que vão oficialmente de março a setembro, com uma extensão para outubro, devido à pandemia. O processo é online e, em um primeiro momento, a documentação exigida é simplificada. Então, para todos aqueles que têm esse sonho, candidatem-se e boa sorte!

Divulgação/Foto: istock