Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Corrente do Bem destina 60 toneladas de alimentos para a Prefeitura de Londrina

Corrente do Bem destina 60 toneladas de alimentos para a Prefeitura de Londrina

Thursday, 23 de April de 2020

Doação do Grupo Muffato repassou, nesta quinta-feira (23), mil kits ao Município; produtos serão entregues para famílias inscritas no Cadastro Único

Foto: Emerson Dias

Por conta das dificuldades sociais e econômicas que a pandemia de coronavírus têm causado, a Prefeitura de Londrina realiza uma campanha de arrecadação de alimentos e demais produtos essenciais, que são destinados à população em situação de vulnerabilidade. Esse clima de solidariedade tem atraído cada vez mais parceiros, como é o caso do Grupo Muffato. Nesta quinta-feira (23), o diretor Everton Muffato, repassou a primeira leva de doações ao prefeito Marcelo Belinati, com mil cestas de alimentos contendo vários itens não perecíveis.

Chamada Corrente do Bem, a campanha prevê um total de quatro mil kits, equivalentes a 60 toneladas, só para o Município de Londrina. Na sequência, esses alimentos foram encaminhados para a Secretaria Municipal de Assistência Social, responsável por atender as famílias inscritas no Cadastro Único (CadÚnico).

Foto: Emerson Dias

O prefeito destacou que a Corrente do Bem é uma grande iniciativa, e agradeceu o Grupo Muffato e demais voluntários e doadores, que têm contribuído no enfrentamento da pandemia em Londrina. “O Grupo Muffato vai doar 60 toneladas, quatro mil cestas com arroz, feijão, macarrão, óleo, café,  que vão ajudar muitas famílias que estão passando por um momento delicado. E, como o grupo, são tantas outras pessoas e empresas, que estão doando máscaras, roupas para os profissionais de saúde e face shields, é uma grande rede de solidariedade e amor. Só tenho palavras de gratidão e amor a todas essas pessoas abnegadas, que estão ajudando quem mais precisa”, frisou.

Marcelo explicou que a Prefeitura está atuando com o objetivo de garantir, aos londrinenses, assistência em saúde, a estrutura econômica, e também a assistência social. “Vamos dar o apoio a quem precisa. E essas atitudes de empresários, como o Grupo Muffato faz hoje, só vem a contribuir e somar a todos que precisam, em um momento delicado que o país, e também Londrina enfrenta. E, a partir de amanhã, vamos começar a fornecer essas cestas, contatando as famílias cadastradas na SMAS”, confirmou.

Foto: Emerson Dias

Durante a entrega na Prefeitura, o diretor do Grupo Muffato reforçou que a campanha já garantiu que 350 toneladas de produtos serão distribuídos em 22 municípios. “Londrina é a primeira a receber, com mil kits dentre os quatro mil que vão ser doados aqui, e os demais municípios da região metropolitana serão beneficiados nos próximos dias. Entendemos que as grandes empresas precisam colaborar nesse momento, se puderem. Se todo mundo contribuir um pouco, vamos sair mais rápido dessa crise, tanto de saúde como econômica, que estamos vivendo”, ressaltou.

Além da doação feita pelo grupo, a Rede Muffato também passa a arrecadar doações em suas lojas, onde os clientes poderão destinar produtos de higiene pessoal, de limpeza e alimentos não perecíveis. “Todas as lojas ficam à disposição, para serem postos de coleta. Estamos fazendo campanha também com nossos fornecedores e, em parceria com os municípios, essas doações vão chegar nas pessoas que estão assoladas pela crise”, complementou o diretor.

Foto: Emerson Dias

Atualmente, a Secretaria Municipal de Assistência Social possui cerca de 53 mil famílias inscritas no CadÚnico, utilizado para programas e benefícios sociais do Governo nas esferas federal, estadual e municipal. “Fora essas famílias, estamos esperando mais 20% de acréscimo neste cadastro”, adiantou a secretária da pasta, Jacqueline Marçal Micali.

Contato- Para facilitar o acesso a esses benefícios, a Prefeitura de Londrina disponibiliza o telefone 0800-4000-140, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. Com ligação gratuita, este canal oferece atendimento a respeito dos auxílios, remunerações e benefícios sociais, além de agendar horários para inscrição e atualização cadastral, entre outros serviços.

O novo canal da Assistência Social aceita ligações de telefone fixo ou celular, com cerca de 1.300 chamadas por dia. No menu principal, o cidadão terá as seguintes opções: informações sobre o auxílio emergencial do Governo Federal (ramal 1); agendar horário para inscrição ou atualização de dados do CadÚnico (ramal 2); acesso a benefícios sociais, como cestas básicas ou em dinheiro (ramal 3); informar a necessidade de abordagem social para população em situação de rua (ramal 4); fazer doações (ramal 5); informações ou agendar contato com psicólogo (ramal 6).

Fonte: N.Com