Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
5 dicas para quem vai viajar com crianças pela primeira vez 5 dicas para quem vai viajar com crianças pela primeira vez

5 dicas para quem vai viajar com crianças pela primeira vez

Friday, 11 de February de 2022
Categoria:

Crédito: divulgação istock

Confira dicas para garantir a diversão da criançada com segurança e uma viagem sem preocupação para os pais

Viajar é uma experiência incrível, independentemente da nossa faixa etária. Para as crianças, pode ser uma oportunidade para aprender coisas novas e guardar ótimas memórias, que irão levar para a vida toda.

No entanto, para os pais, é um momento bastante estressante, principalmente se for a primeira vez. Afinal, cuidar de crianças exige muita atenção, ainda mais em um lugar totalmente novo.

Para que a viagem dos sonhos não se torne um pesadelo, separamos cinco pontos aos quais quem vai viajar com crianças pela primeira vez deve se atentar. Basta seguir as dicas e não esquecer de se divertir!

1. O destino e as atrações

É importante escolher um destino com infraestrutura adequada, para evitar contratempos. Pense: o lugar tem uma boa rede de transporte, caso aconteça uma emergência? Tem hospitais próximos? Os restaurantes possuem espaço infantil?

O destino também deve ser escolhido pensando nas atrações. Lembre-se que crianças ficam facilmente com tédio, então os passeios precisam ser interessantes para elas. Passeios que envolvam água, museus temáticos e parques de diversões são ótimas opções, e certamente serão divertidas para os adultos também.

Se chover em algum dia, procure opções no hotel para mantê-los entretidos, como assistir a filmes em uma smart TV Sony ou passar o tempo no salão de jogos.

2. A hospedagem

Cheque se o hotel possui a estrutura necessária para receber seus filhos. Pergunte sobre banheirinha, equipamentos para as refeições, se é possível esquentar a mamadeira na cozinha…

Lembre-se também de que hotéis não são as únicas opções de hospedagem disponíveis. Às vezes, alugar um apartamento por um fim de semana em sites próprios para isso vale mais a pena.

3. Fazendo as malas

Muitos pais ficam com medo de esquecer de algo e acabam levando o guarda-roupa inteiro. Mas não é preciso ultrapassar o limite de peso para levar todos os itens necessários.

Antes de mais nada, faça uma lista com tudo que precisa levar. Nela, inclua roupas que façam sentido para a temperatura e os passeios que serão feitos. Se for de avião, não se esqueça de deixar fácil uma blusa de frio e uma manta, para proteger o pequeno do ar-condicionado.

Se a ideia for fazer muitos passeios ao ar livre, não encha a mala de brinquedos. E uma dica extra é não focar em itens descartáveis, como fraldas e lenços, porque eles são fáceis de ser comprados nas outras cidades.

4. Saúde e segurança

O ideal é levá-las apenas quando estiverem com todas as vacinas em dia – aliás, não deixe de verificar se o destino escolhido exige alguma imunização específica. As vacinas devem ser aplicadas até duas semanas antes.

Leve medicamentos liberados pelo pediatra, principalmente antitérmicos, antialérgicos e remédios contra enjoo. Leve também protetor solar, mesmo se a viagem não for para a praia, antisséptico, curativos, pomada para picadas, repelente e álcool em gel. Se o pequeno toma algum remédio controlado ou faz tratamento, não deixe de colocar na mala.

Também é importante ficar de olho na meninada, para que elas não sofram nenhum acidente. Nessas horas, cautela nunca é demais.

5. O trajeto

Para prevenir náuseas, tontura e vômito de primeira viagem, a dica é fazer uma refeição leve antes de sair e preferindo não comer durante o trajeto. Se o enjoo acontecer, ofereça biscoitos de água sal, tente fazer paradas frequentes e estimule-os a olhar para fora do carro, focando em um objeto parado, com a janela aberta.

Se a viagem for de avião, pode surgir um incômodo nos ouvidos. Para amenizar, estimule os pequenos a bocejar ou mascar chicletes. Se for um bebê, amamente-o ou dê uma mamadeira para sugar.