Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Turismo em Londrina: conheça pontos turísticos naturais da cidade Turismo em Londrina: conheça pontos turísticos naturais da cidade Turismo em Londrina: conheça pontos turísticos naturais da cidade

Turismo em Londrina: conheça pontos turísticos naturais da cidade

sexta, 01 de junho de 2018
Categoria:

Londrina tem turismo sim! O Londrinatur elenca alguns de seus principais pontos turísticos naturais

Londrina tem turismo sim! O Londrinatur elencou os dez principais pontos turísticos naturais da cidade para você visitar com os amigos e a família. Vamos lá?

Bosque Municipal Marechal Cândido Rondon

Bosque Municipal de Londrina

Foto: Rei Santos

O Bosque Municipal Marechal Cândido Rondon fica na região central da cidade, entre as avenidas Rio de Janeiro e São Paulo, ao lado da Catedral Metropolitana. São duas quadras com espécies remanescentes da cobertura vegetal primitiva. Foi doado pela Companhia de Terras Melhoramentos Norte do Paraná. Atualmente, possui um parquinho infantil, banheiros e bancos e faz parte dos pontos de turismo da cidade. Também tem pista de cooper e aparelhos para exercícios físicos.

(para saber mais sobre o Bosque Municipal Cândido Rondon, clique aqui)

Jardim Botânico de Londrina

Jardim Botânico de Londrina

Foto: Divulgação

O Jardim Botânico é uma das maiores unidades de pesquisa e conservação de espécies nativas e exóticas do Paraná. Espécies silvestres raras, ameaçadas de extinção e importantes para restauração e reabilitação de ecossistemas são encontradas lá. Lagos, estufas, trilhas e pistas de caminhada são alguns dos atrativos do Jardim. O Jardim Botânico fica à Avenida dos Expedicionários, 200, no Conjunto Residencial Vivendas do Arvoredo.

(Para saber mais sobre o Jardim Botânico, clique aqui)

Lago Cabrinha

Lago Cabrinha em Londrina

Foto: Roberto Tomé

Área verde urbanizada do fundo de vale do córrego Cabrinha. Tem lago, pista de caminhada, vegetação nativa e parte infantil.  O lago fica na zona norte de Londrina, no Jácomo Violin.

(Para saber mais sobre o Lago Cabrinha, clique aqui)

Lago Igapó

Lago Igapó em Londrina

Foto: Wilson Vieira

Quando se fala em turismo em Londrina é quase impossível esquecer o Lago Igapó! Conjunto de lagos que constitui a considerada mais bonita e significativa área de lazer da cidade. Pessoas se encontram lá pela manhã, tarde e noite para a prática de esportes, piqueniques e com frequência são realizados eventos culturais e esportivos em suas localidades.

O Lago Igapó I fica perto à Prefeitura Municipal.  Já o Lago Igapó II Entre a Avenida Higienópolis e a continuação da Maringá. E o Lago Igapó III fica final da Avenida Maringá até a rua Prefeito Faria Lima.

(Para saber mais sobre o Lago Igapó, clique aqui)

Lago Norte

Lago Norte em Londrina

Foto: Divulgação

Já o Lago Norte é uma área verde urbanizada do fundo de vale do Ribeirão Lindóia. Lago, pista de caminhada, vegetação nativa e parque infantil em uma extensão de mais de 188 mil metros quadrados.

(Para saber mais sobre o Lago Norte, clique aqui)

Centro Social Urbano Adriano Mariano Gomes (Buracão)

Buracão em Londrina (Centro Social Urbano Adriano Mariano Gomes)

Foto: Reprodução/Youtube

O Buracão também tem turismo! Local, entre os córregos Bom Retiro e Ibiá, tem campo de futebol, quadra, pista de caminhada, pista de skate e até um palco. O Centro Social fica na Rua Atílio Scudeler, 283, Vila Portuguesa.

Área de Lazer Luigi Borghesi (Zerão)

Zerão de Londrina

Foto: Vinicius Bacarin

O Zerão (conhecido assim por seu formato parecer um grande zero) é integrado por uma pista de caminhada de 1.050 metros, quadras poliesportivas e gramados. O local é entrecortado pelo Córrego do Leme e recebe diversas manifestações artísticas, culturais e esportivas da cidade.

(Para saber mais sobre o Zerão, clique aqui)

Reserva Indígena do Apucaraninha e Salto do Apucaraninha

É uma reserva com 5.574 hectares de área, onde abriga aproximadamente 240 famílias e 1.200 indígenas. Eles cultivam arroz, feijão e milho, produzem cestos e outros produtos. A comercialização acontece nas próprias casas dos indígenas e a visitação é permitida com a autorização da FUNAI – Fundação Nacional do Índio. O Salto do Apucaraninha fica dentro da reserva e é composto por uma queda d’água com 116 metros de altura. Muitos vão ao salto no final de semana.

(Para saber mais sobre o Salto do Apucaraninha, clique aqui)

(Para saber mais sobre a Reserva Indígena do Apucaraninha, clique aqui)

Parque Estadual Mata dos Godoy

Mata dos Godoy em Londrina

Foto: Divulgação/Educacional MAF

O Parque tem uma das mais ricas reservas genéticas do Sul do país: fauna e flora representativas da floresta tropical e subtropical, área de mata nativa com trilhas pra passeio e centro de visitantes.

(Para saber mais sobre a Mata dos Godoy, clique aqui)

Parque Municipal Arthur Thomas

Parque Arthur Thomas

Foto: Wilson Vieira

O Parque tem como atrativos a primeira usina elétrica que fornecia energia para Londrina em 1930, hoje desativada. Além disso, conta com lago, lanchonete, queda d’água e área de trilhas para passeio.

(Para saber mais sobre o Parque Arthur Thomas, clique aqui)

Fonte: Divulgação