Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Terminal urbano do Milton Gavetti será reconstruído Terminal urbano do Milton Gavetti será reconstruído

Terminal urbano do Milton Gavetti será reconstruído

Wednesday, 22 de January de 2020

Investimento máximo será de R$ 6,5 milhões; as obras contemplam a expansão e reestruturação completa do espaço

Terminal urbano do Milton Gavetti será reconstruído

Foto: Arquivo

Como parte do processo de adequação ao novo modelo de transporte urbano que está sendo implementado em Londrina, o sistema BHLS (Bus with High Level of Service), a Prefeitura irá promover a reconstrução do terminal de ônibus do Conjunto Milton Gavetti, na região norte. O espaço será totalmente revitalizado para proporcionar mais conforto e segurança aos usuários, otimizando o fluxo interno e o acesso ao local, que fica na Avenida Sylvio Barros, podendo comportar veículos do SuperBus.

Este é o segundo terminal que será reconstruído na região norte de Londrina, dentro do projeto. Atualmente, passa por obra de reconstrução a unidade do Vivi Xavier.

Com investimento máximo estipulado em R$ 6,5 milhões, aproximadamente, a obra do Milton Gavetti está em fase de licitação. O recebimento e abertura dos envelopes das empresas interessadas irão ocorrer nesta quarta-feira (22), a partir das 13h, na Diretoria de Gestão de Licitações e Contratos (DGLC), que fica na sede da Prefeitura.

Terminal urbano do Milton Gavetti será reconstruído

Foto: Arquivo

Os serviços contemplam a expansão da área do terminal, reposicionamento de corredores, melhorias estruturais diversas e aumento em 50% da capacidade de veículos atual, que passará a ser de 12 ônibus, incorporando plataformas para três automóveis articulados de grande porte. Após a contratação da empresa e assinatura da ordem de serviço, o prazo de execução será de 330 dias. O projeto arquitetônico foi desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (IPPUL) e as atividades serão fiscalizadas pela Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação (SMOP).

De acordo com a gerente de Projetos Urbanísticos e Edificações do IPPUL, Amanda Salvioni, por conta da necessidade de readequação estrutural o novo terminal do Milton Gavetti triplicará de tamanho, passando de 820 m² para 2.500 m² de área construída. “Será criada uma plataforma principal e uma outra lateral para a passagem dos veículos, equipadas para a melhor acomodação dos passageiros. O novo pavimento, feito em concreto, será mais resistente e sólido para comportar os ônibus, em substituição ao atual piso de asfalto normal”, informou.

Uma grande cobertura com isolamento termoacústico vai oferecer ventilação mais apropriada e proteção aos passageiros contra insolação e chuvas. Também serão substituídos todo o cercamento e gradil do espaço.

A gerente frisou que mais segurança e acessibilidade estão garantidos aos usuários do terminal após a conclusão das obras. “Toda a parte interna será renovada com banheiros acessíveis, área de fraldário, rampas de acesso, piso tátil, novos bancos e corrimões, paraciclos, iluminação, dentre outras melhorias. E as condições de acesso ao local serão aprimoradas com algumas intervenções viárias, incluindo adaptações de pista e de travessia com faixas elevadas, que facilitarão a chegada de quem vem do sentido bairros a norte ou a sul do terminal”, disse.

O projeto ainda prevê a criação de uma ciclovia ao longo do trecho ocupado pelo terminal, que terá continuidade pela Avenida Sylvio Barros. Além disso, a praça vizinha ao local passará por revitalização, recebendo novas calçadas.

Além dos terminais urbanos dos bairros Vivi Xavier e Milton Gavetti, na sequência a Prefeitura irá reconstruir o terminal do Ouro Verde, também localizado na área norte de Londrina.

Fonte: Renan Oliveira/N.Com