Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Peça teatral “Sem manjedoura” na Concha Acústica Peça teatral “Sem manjedoura” na Concha Acústica

Peça teatral “Sem manjedoura” na Concha Acústica

Wednesday, 13 de March de 2019

A performance teatral “Sem Manjedoura”, escrita e dirigida por Renato Forin Jr., será encenada nesta quinta-feira, dia 14 de março, às 19h30, na Concha Acústica (Rua Piauí, 130). A apresentação está dentro da programação do “14M – Festival Vivas Resistimos”, que pede justiça pelo assassinato da vereadora carioca Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes e reafirma as causas humanitárias pelas quais ela lutou. A parte artística do evento começa às 17h30 e contará também com aula de capoeira e com grupos musicais (Luiza Braga, Fugitivos da Cuíca, Pisada da Jurema, dentre outros).

Peça Sem Manjedoura na Concha Acústica

Foto: Cátia Simões

“Sem Manjedoura” é uma intervenção urbana que estabelece relações com o teatro dialético e o teatro invisível de Augusto Boal. Numa metáfora natalina, a bolsa de uma grávida rompe-se em meio a um local público do Brasil contemporâneo. A multidão é potencialmente atuante e espectadora deste parto difícil. Do meio dela, surgem os personagens que expõem seus preconceitos, extremismos, ideologias e pensamentos mais íntimos sobre temas urgentes do país, recalcados em nossa história, como a violência contra a mulher e a condição das minorias e dos excluídos. As peças deste presépio improvisado são retratos dos abismos do Brasil, são caricaturas das desigualdades de todas as ordens escancaradas no presente e reafirmadas sem pudor nas redes sociais.

A performance foi iniciada em 2018 no Núcleo de CineDramaturgia Dramátika, com produção da Kinopus e apoio do Sesi Cultura Paraná, sob coordenação de Rodrigo Grota. Traz no elenco Carol Alves, Cláudio Müller, Danieli Pereira, Eliete Vanzo, Gabriel Rubim, Gustavo Garcia, Luana Rodrigues, Marika Sawaguti e Nathan Sinval. A técnica é de Renato Forin Jr., cenografia de Julio Vida, figurinos de Thais Blanco e trilha sonora de Lila Pastore. A apresentação tem apoio da Gálata Higiene e Limpeza, do Centro Cultural Sesi/AML e do Agon Teatro.

Fonte: Divulgação