Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Secretaria de Saúde libera vacinação contra influenza para idosos e professores Secretaria de Saúde libera vacinação contra influenza para idosos e professores

Secretaria de Saúde libera vacinação contra influenza para idosos e professores

Tuesday, 11 de May de 2021
Categoria:

A partir de terça-feira (11), quem fizer parte desses grupos prioritários deve telefonar para a UBS mais próxima de sua residência para agendar a aplicação da dose

Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe, que será realizada entre os dias 23 de abril a 1º de junho em todo país, no Centro de Saúde Pinheiros, região oeste. Foto: Gustavo Tacaki

A Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), inicia, nesta terça-feira (11), a segunda fase da Campanha de Vacinação Contra a Influenza, vírus que causa a gripe. Nessa etapa, serão contemplados todos os idosos acima dos 60 anos. Também estão inclusos os professores que atuam em instituições educacionais públicas e particulares, de todos os níveis de ensino. Com o objetivo de comprovar seu vínculo profissional, os docentes deverão apresentar, no ato da vacinação, declaração da escola ou universidade onde atuam.

No total, os grupos da segunda etapa contabilizam 102.577 pessoas idosas e 9.847 professores. A vacinação também continua disponível para o primeiro público-alvo da campanha, composto por profissionais da saúde, gestantes, puérperas e crianças a partir dos 6 meses até menores de 6 anos. Até o momento, as equipes da SMS já vacinaram 22.464 pessoas pertencentes a essas categorias.

Quem faz parte dos grupos prioritários precisa realizar o contato telefônico com a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de sua residência, para agendar a data e horário da aplicação da dose. A vacinação será efetuada em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs), com exceção das que aplicam exclusivamente as doses contra Covid-19 ou de atendimento para pacientes com sintomas respiratórios.

Ao todo, são 38 unidades distribuídas na zona urbana e rural de Londrina, com funcionamento de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Para conferir os endereços e telefones das UBSs, clique aqui. É importante lembrar que, para quem já recebeu ou vai receber a vacina contra a Covid-19, deve haver um intervalo de 14 dias entre as duas vacinas.

O secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, informou que, com o objetivo de intensificar o ritmo da campanha, a SMS realizará, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (SME), uma ação de vacinação contra a influenza no sábado (15), das 8h às 18h. A iniciativa acontecerá em cinco escolas municipais de diferentes regiões de Londrina: E.M. Professor Moacyr Camargo Martins (R. Francisco Gabriel Arruda, 723, Conj. Parigot de Souza I); E.M. Carlos da Costa Branco (Av. Paris, 515, Jardim Piza); E.M. José Garcia Vilar (Rua Pitangueiras, 209, Jardim Panorama); E.M. Arthur Thomas (R. Goiás, 544, Centro); e E.M. Leônidas Sobrinho Porto (Rua Jequitibá, 226, Jardim Leonor).

“Semanalmente, as UBSs ofertam aproximadamente 11 mil vagas para os públicos prioritários. Com a ação nas escolas, vamos disponibilizar mais 5 mil doses da vacina. O objetivo é facilitar o comparecimento das pessoas que têm afazeres nos dias úteis, principalmente quem vai levar os idosos para serem vacinados. Optamos pelas unidades de ensino devido ao seu espaço físico amplo, que auxilia os trabalhos”, frisou Machado.

Quem deseja fazer o agendamento para a ação de sábado (15) deve acessar o link disponível no portal da Prefeitura (clique aqui).

Próxima etapa – Na terceira etapa da campanha de vacinação, serão vacinadas pessoas com comorbidades e com deficiência permanente; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo de passageiros, urbano e rodoviário; trabalhadores portuários; forças de segurança e salvamento; e militares. Também estão inclusos nesse grupo os funcionários do sistema prisional, populações privadas de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

A previsão é que a imunização dessas categorias seja realizada em junho, a depender do número de doses recebidas pelo Município. Com cinco remessas da vacina já feitas pelo Governo Estadual, a SMS recebeu, até agora, um total de 69.970 doses do imunizante.

N.com