Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Secretaria de Saúde amplia protocolo de reabilitação pós-Covid-19 Secretaria de Saúde amplia protocolo de reabilitação pós-Covid-19

Secretaria de Saúde amplia protocolo de reabilitação pós-Covid-19

Wednesday, 10 de November de 2021

Documento será apresentando em uma capacitação voltada à equipe da Atenção Primária à Saúde, que vai abordar a reabilitação de pacientes com sintomas prolongados pós-Covid-19

Foto: Emerson Dias / arquivo NCom

A Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), vai ampliar as estratégias de assistência aos pacientes que precisam de acompanhamento e reabilitação pós-covid-19. Para isso, será realizado uma capacitação voltada à equipe da Atenção Primária à Saúde (APS), que vai abordar a reabilitação de pacientes que tiveram sintomas prolongados após a doença.

A ação será realizada nesta quinta-feira (11), das 8h às 10h30 (turma 1) e das 13h às 15h30 (turma 2), em formato on-line e presencial, no auditório da Unicesumar. O encontro será voltado a toda equipe de Saúde da Família e Núcleo de Ampliado de Saúde da Família (NASF-AB), com ênfase nos atendimentos das áreas de Odontologia, Nutrição, Farmácia e Saúde Mental/Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PIC´). Para os profissionais que optarem por assistir online, o link será disponibilizado na data do evento.

Foto: Emerson Dias / arquivo NCom

Na ocasião, será apresentado um Protocolo de Atendimento na Reabilitação à Pacientes com Sintomas Prolongados Pós-Covid-19, que reúne uma série de informações sobre a doença, incluindo a atuação dos profissionais da APS na reabilitação pós-covid-19 com acompanhamento na UBS tanto pela equipe de Saúde da Família, incluindo a medicina, o NASF e a equipe de Odontologia; além de  abordar a Reabilitação Ambulatorial Pós-Covid-19, na fisioterapia, educação física e saúde mental incluindo as PICs como auriculoterapia e terapia de apoio emocional (comunitária).

O secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, destacou que este é mais um avanço da Prefeitura de Londrina, voltado à qualificação do atendimento dos pacientes. “Embora estejamos em um momento em que observamos queda no número de casos de Covid-19, precisamos lidar com a situação pós-pandemia. E muitas pessoas que tiveram a doença estão apresentando sequelas e sintomas prolongados. Por isso, o objetivo desta capacitação, institucionalizada através de protocolos da SMS, é qualificar os servidores de diversas especialidades para que eles tenham o olhar para identificar pacientes em seus próprios territórios. E com isso, oferecer o início da reabilitação pós-covid-19, podendo restabelecer a qualidade de vida aos pacientes”, apontou.

A médica Beatriz Zampar, supervisora do Programa de Medicina de Família e Comunidade do Município, explicou que a intenção do trabalho é que os profissionais identifiquem os principais sintomas destes pacientes, para que eles possam ser acompanhados, inclusive em seus territórios na Estratégia Saúde da Família (ESF). “E para os casos mais complexos, o município já conta com o Ambulatório Pós-Covid-19, na Policlínica”, explicou.

A ação dá continuidade ao processo iniciado em maio, com o matriciamento pós-covid-19 que abordou os principais sintomas e a reabilitação realizada pelos fisioterapeutas, médicos e profissionais de educação física. “Considerando que a Covid-19 é uma doença sistêmica e que as pessoas que ficaram com sequelas pós-covid-19 necessitam de acompanhamento multiprofissional, identificamos a necessidade de ampliar as estratégias de assistência aos pacientes que precisam de acompanhamento e reabilitação após a doença, por isso estamos realizando mais esta ação”, informou a coordenadora do Programa Saúde da Família (PSF) e do NASF, Kátia Santos de Oliveira.

Fonte: N.Com