Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Secretaria de Cultura abre seleção para projetos do Programa Fábrica

Secretaria de Cultura abre seleção para projetos do Programa Fábrica

quinta, 08 de junho de 2023
Categoria

Edital conta com recursos no montante de R$ 800 mil; valor será destinado a 29 bolsas voltadas à promoção de oficinas culturais na cidade

A Secretaria Municipal de Cultura (SMC) publicou, na última sexta-feira (2), o edital 003/2023, de abertura de seleção de Projetos Independentes de Bolsas de Estudo e Pesquisa para oficinas criativas da Fábrica – Rede Popular de Cultura (confira a partir da página 5 da edição 4.928 do Jornal Oficial do Município).

O edital selecionará projetos para a realização de oficinas junto às comunidades de Londrina nas mais diversas áreas culturais, como as artes de rua, artes plásticas, artes gráficas, artesanato, cultura popular, circo, dança, música, teatro, fotografia, literatura, mídia, patrimônio cultural e natural, hip hop, cinema e videografia.

As iniciativas aprovadas serão beneficiadas pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic), durante o exercício 2023/2024. O edital destinará o montante total de R$ 800 mil a 29 bolsas, com valores de 20 mil e 40 mil reais. Podem inscrever projetos pessoas físicas ou coletivos culturais.

O coordenador da Fábrica – Rede Popular de Cultura, Valdir Grandini, contou que neste edital, pela primeira vez desde que o Promic foi criado, em 2003, haverá um sistema de cotas para artistas negros e indígenas. Esta é uma nova prática inclusiva, inaugurada no aniversário de 20 anos do programa de incentivo.  “Essa ação vai disponibilizar 25% das vagas para a população de pretos, pretas, pardos, pardas e indígenas. E isso veio como uma forma de romper com as amarras históricas que dificultaram o acesso dessas populações marginalizadas historicamente”, explicou.

O período de inscrições já está aberto, e termina no dia 4 de julho, às 18h. Os interessados em se inscrever podem acessar o formulário disponível na plataforma Londrina Cultura (clique aqui), sendo que é preciso fazer o cadastro na plataforma para obter o acesso. Na sequência, é necessário inserir informações como o currículo atualizado, as ideias do projeto e o impacto social, entre outros requisitos. Caso o candidato tenha interesse, é possível anexar um arquivo adicional ao documento, para complementá-lo.

Para mais informações sobre o edital, os interessados devem acessar a página da Secretaria Municipal de Cultura, no Portal da Prefeitura, pelo link portal.londrina.pr.gov.br/incentivo-cultura/promic/editais. As dúvidas relacionadas ao processo de inscrição no Londrina Cultura poderão ser resolvidas através do telefone (43) 3371-6614, das 12h às 18h, com limite de atendimento até às 17h do último dia de inscrição. Também é possível fazer o contato pelo e-mail [email protected], sendo que as dúvidas poderão ser enviadas até a primeira segunda-feira de julho, dia 3.

Oficinas de apoio – A Secretaria Municipal de Cultura (Rua Maestro Egydio do Amaral – Praça Primeiro de Maio, nº 110) vai promover, no dia 19 de junho, uma oficina focada na elaboração de projetos culturais para os editais do Promic, com início às 19h. Essa atividade vai servir como forma de auxiliar os candidatos na criação dos projetos, ajudando a planejar a ação cultural desejada e passá-la para o formulário de maneira correta.

Os organizadores vão oferecer outra ação no dia 20 de junho, no mesmo local, a partir das 19h, para tirar dúvidas sobre o edital 003/2023. Esse encontro visa ajudar os possíveis candidatos a entender os procedimentos, a forma de se inscrever no sistema, as regras do edital e quais documentos são necessários aos procedimentos. Ao todo, 40 vagas estão disponíveis para os dois dias, e as inscrições podem ser feitas pelo endereço de e-mail [email protected].

Programa Fábrica – O programa Fábrica – Rede Popular de Cultura teve seu primeiro edital em 2021, e vem sendo implantado como uma forma de ampliar o circuito cultural da cidade, promovendo o interesse e acesso à cultura para toda a população. Atualmente, o programa conta com 30 projetos, que oferecem oficinas para diferentes comunidades e escolas, ampliando a difusão cultural. Essas iniciativas são financiadas pela SMC, com recursos do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic).

Segundo Grandini, o programa veio para gerar mais acesso à cultura, por meio das criações artísticas. “As oficinas ofertadas pelos projetos culturais envolvidos servem para despertar o interesse pela cultura na condição de criação, e não só como público. Englobam as mais diversas linguagens culturais, para que pessoas de todas as faixas etárias possam viver e criar arte”, contou.

Fonte: N.Com