Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Procedimento com fotos 3D pode prever apneia do sono

Procedimento com fotos 3D pode prever apneia do sono

Friday, 26 de June de 2020
Categoria:

Foi possível observar que traços faciais estão relacionados à doença

Divulgação

Estudo publicado em abril no Jornal da Medicina Clínica do Sono apresenta uma nova técnica para prever a apneia antes do paciente demonstrar qualquer sintoma. Isso é possível através da análise de fotos com tecnologia 3D, que ajudam os especialistas a mapear estruturas faciais de cada paciente.

Apneia obstrutiva do sono (SAO) é uma parada respiratória provocada pelo contato das paredes da faringe. Dessa forma, quem a apresenta tem a oxigenação e o sono prejudicados pela falha na respiração. A fotografia 3D mostrou que há características ligadas e esse problema respiratório, como largura do pescoço, posição do maxilar, distância entre os olhos e largura do rosto, que apresentam números similares em pacientes que possuem a doença.

O estudo observou 300 pessoas com diferentes níveis da SAO e 100 que não apresentam distúrbio algum. Todos foram expostos a um aparelho que registrou em imagens precisas todos os ângulos do rosto durante uma noite de sono. Os dados foram usados para construir um algoritmo que pode ser testado em diferentes pessoas, para conferir se elas apresentam os traços relacionados à enfermidade.

De acordo com Peter Eastwood, principal responsável pela pesquisa e doutor em fisiologia respiratória, o estudo comprova uma predisposição genética à apneia do sono e que a estrutura facial é um componente significativo dela. Essa compreensão pode facilitar o diagnóstico e acelerar o tratamento de pacientes no mundo todo. “SAO é um problema de saúde pública enorme, e, apesar dos tratamentos eficazes que estão disponíveis, muitos com SAO não são diagnosticados.”, disse Eastwood.

Sintomas

A apneia é comumente associada a ronco alto e frequente, mas esse não é o único sintoma. Ela pode causar engasgos, causados pelas pausas respiratórias durante o sono, aumento nas idas ao banheiro durante a noite, sonolência, cansaço e mau humor durante o dia e dor de cabeça logo ao acordar, causada pela pouca oxigenação.

Tratamento da apneia do sono

Para definir um tratamento adequado, é necessário levar em conta o nível de cada paciente. Para quem apresenta apneia mais leve, medidas como perda de peso, dormir de lado e em superfícies adequadas, como alguns modelos de colchão Ortobom, que podem apresentar maciez e espessura adequada para uma boa postura no sono, ou exercícios fonoaudiológicos, são suficientes para evitar o problema.

Em casos acentuados, pode ser necessário o uso de aparelhos na boca ou de máscaras de oxigênio que facilitam a respiração durante o sono. Alguns pacientes podem precisar de processos cirúrgicos para apresentar melhora.

Fonte: Conversion