Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Praça Tomi Nakagawa recebe Feira do Peixe Vivo Praça Tomi Nakagawa recebe Feira do Peixe Vivo

Praça Tomi Nakagawa recebe Feira do Peixe Vivo

Monday, 26 de March de 2018
Categoria:

Feira comercializa peixes vivos durante a Semana Santa; produtos variam de R$ 13 a R$ 25 o quilo

A partir do dia 28 de março, a população de Londrina e região poderá adquirir peixes de excelente qualidade e a preços acessíveis durante a 25ª edição da “Feira Peixe Vivo”. Ela permanece até o dia 30 de março, na Praça Tomi Nakagawa, na Rua Rua Benjamin Constant, s/n, região central.

Nos dois primeiros dias de feira, dias 28 e 29 de março, ela estará aberta ao público das 8h às 19h. Já no dia 30 de março, ela funcionará das 8h às 13h. Nela, a população poderá adquirir peixes de cinco piscicultores de Londrina. Eles colocarão à disposição dos consumidores as seguintes espécies: Bagre e Carpa (R$ 13,00/kg); Tilápia pequena (R$ 13,00/kg); Tilápia grande (R$ 16,00/kg); Matrinxã (R$ 19,00/kg); Pacu (R$ 19,00/kg); e pintado (R$ 25,00/kg).

A expectativa para este ano é que sejam comercializadas 14 toneladas de peixe. No ano passado, foram vendidas 16 toneladas com a ajuda de sete piscicultores. Para o gerente de agroindústria da Secretaria Municipal de Agricultura, Paulo Gonçalves da Silva, a feira é importante para que o consumidor adquira produtos de excelente qualidade e para o piscicultor que terá um local adequado mais próximo ao consumidor para vender seu produto.

“A Feira do Peixe Vivo é uma tradição e procura auxiliar o piscicultor dando um espaço para ele vender o peixe, em um canal de circuito curto, ou seja, próximo da população. Além disso, é bom para o consumidor que compra um produto de excelente qualidade, visto que o peixe ainda está vivo, e de procedência confiável”, disse Silva.

Além dos peixes, os clientes encontrarão barracas de pastel de vários sabores e salgados de peixe para consumirem na hora. A ação faz parte da “Feira de Produtos de Época”, que integra a política de Segurança Alimentar do Município, realizada pela Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento.

Fonte: N.Com