Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Novo antiviral pode neutralizar o coronavírus e suas variantes Novo antiviral pode neutralizar o coronavírus e suas variantes

Novo antiviral pode neutralizar o coronavírus e suas variantes

Wednesday, 07 de April de 2021
Categoria:

Novo medicamento, ainda em fase de aprovação, se mostrou eficaz em neutralizar o vírus, impedir que evolua no organismo e até mesmo em prevenir a doença

Pesquisadores da Universidade da Carolina do Sul, localizada em Chapel Hill, nos Estados Unidos, conseguiram resultados promissores na batalha contra o Covid-19 ao realizar testes de laboratório com um novo antiviral, produzido com dois tipos de anticorpos diferentes da doença. O medicamento EIDD-2801 se mostrou eficaz ao interromper a replicação do vírus no organismo e até mesmo em prevenir sua invasão em células humanas.

O medicamento foi testado em roedores geneticamente modificados para apresentar tecido pulmonar humano. Em apenas dois dias, o medicamento conseguiu diminuir em mais de 25 mil vezes o número de partículas do vírus no tecido pulmonar das cobaias. Após 48 horas, o nível do Covid-19 no organismo já havia sido reduzido em 96%. Não somente isso: quando foram feitos testes voltados para prevenção, o tratamento também se mostrou eficaz ao impedir que o vírus se replicasse no organismo.

Esta descoberta é promissora não só por conseguir prevenir e tratar o Covid-19, mas também por ser uma arma poderosa contra futuros surtos de novas variantes do vírus. Agora que já passou pela fase de testes em animais, o medicamento avançou para as fases 2 e 3 do processo e está sendo testado em humanos para garantir sua segurança e eficácia.

O uso de anticorpos já é uma alternativa muito utilizada em tratamentos de doenças mais complexas, como é o caso de vários tipos de cânceres. Devido à urgência de uma alternativa que possa combater o Covid-19 além da vacina, que ainda está sendo distribuída aos poucos no mundo inteiro, para os especialistas, esta descoberta é praticamente um milagre e fará toda a diferença em um futuro próximo, principalmente enquanto a vacinação não for concluída em todos os países.

Além disso, o novo medicamento também poderá ser usado em novos estudos nos vários campos da medicina. Da faculdade de fisioterapia até a de infectologia, todos poderão aprofundar seu conhecimento nesta descoberta para desenvolver novos métodos que unam os diversos setores e encontrar formas cada vez mais eficazes de lidar com o coronavírus.

Ainda que esteja avançando em um ritmo consideravelmente rápido, o processo de aprovação de um novo medicamento leva tempo, pois é necessária a garantia de que ele é completamente seguro para todos. Após ser aprovado e produzido em massa, podemos dar mais um importante passo no combate ao Covid-19.

Divulgação