Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Londrina é líder nacional na abertura de franquias, com aumento de 15,7%

Londrina é líder nacional na abertura de franquias, com aumento de 15,7%

quinta, 09 de novembro de 2023
Categoria

Foto: Augusto Soares/ Londrina Iluminação/Arquivo

Informação consta no levantamento realizado pela Associação Brasileira de Franchising; faturamento do setor na cidade cresceu 23,52% entre 2022 e 2023

Londrina é o município que registrou o maior crescimento de franquias entre as cidades brasileiras no primeiro semestre de 2023, tendo sido destaque em matéria publicada recentemente pela revista Pequenas Empresas Grandes Negócios. A informação consta de levantamento divulgado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) durante a ABF Con 2023, evento realizado entre 25 e 29 de outubro em Comandatuba, na Bahia.

Conforme a pesquisa, a cidade registrou alta de 15,7%, passando de 971 unidades de franquia no primeiro semestre de 2022 para 1.124 no mesmo período de 2023. No levantamento passado, o município ocupava a 26ª posição no mesmo ranking, que era liderado por Manaus.

O presidente do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), Alex Canziani, comemorou o excelente desempenho de Londrina na pesquisa e salientou que esse resultado está alinhado ao bom momento econômico que a cidade vive. “Cada vez mais, Londrina vem se consolidando como um polo econômico e tecnológico. Isso é resultado dos esforços conjuntos do poder público e do setor privado, que é representado por entidades dinâmicas e atuantes, como a Acil, o Sebrae, o Sinduscon e as governanças de diversos setores, entre outras. A cidade está em uma nova fase, o que se reflete não só no expressivo crescimento no número de franquias como também na vinda de diversas grandes empresas, incluindo, recentemente, a Obramax. Tudo isso resulta em mais renda, oportunidades e emprego para a população, lembrando que em 2023 o Caged já registrou saldo positivo de quase 7 mil vagas de trabalho para os londrinenses”, afirmou Canziani.

Para a elaboração da pesquisa, foram analisadas as 30 maiores cidades do Brasil em número de franquias, sendo 14 não-capitais. No âmbito dessa base de dados, as não-capitais foram as que mais cresceram proporcionalmente (9%), enquanto que o aumento médio registrado para as capitais foi de 5%.

De acordo com a ABF, os números refletem principalmente o crescimento do agronegócio e a retomada do turismo no período pós-pandemia. A entidade explica que Londrina se destaca pelo papel econômico que desempenha no Paraná: a cidade tem mais de 500 mil habitantes, com força no agronegócio e setor industrial.

Além disso, a pesquisa revela que as 1.124 franquias instaladas em Londrina obtiveram, juntas, um faturamento de R$ 321.050.676 no primeiro semestre desse ano. Isso representa um crescimento de 23,52% em relação a 2022, quando o montante contabilizado foi de R$ 259.897.109. Já o estado como um todo teve o sexto maior faturamento do setor de franquias no primeiro semestre entre as unidades federativas, alcançando R$ 7,3 bilhões, 18% acima do mesmo período do ano passado.

Ainda segundo a Associação Brasileira de Franchising, o avanço da tecnologia nas relações de franquia, da seleção ao suporte, vem fomentando o franchising em cidades do interior. Dentre esses municípios, Londrina se destaca por ser um polo tecnológico e um celeiro para startups, assim como uma cidade universitária, com diversas instituições de pesquisa e ensino superior. É importante destacar que, além de receber franquias, Londrina também é uma cidade onde são criadas marcas que se espalham pelo território nacional.

Fonte: N.Com