Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Janine Mathias, show “Devoção” no Sesc Cadeião

Janine Mathias, show “Devoção” no Sesc Cadeião

quarta, 19 de abril de 2023
Categoria

Janine Mathias vem ao Sesc Cadeião para apresentar seu mais novo e premiado show: Devoção. Com um repertório com a presença de grandes compositores como Rodrigo Campos (já cantado por Elza Soares), Leo Fé, João da Gente e Raissa Fayet, o espetáculo virá acompanhado de trio e promete mesclar o samba com a influência rap da cantora.

Com sua voz forte e marcante, a brasiliense radicada na capital paranaense é a nova voz da música contemporânea brasileira e tem conquistado o país com seu trabalho, sua música, raízes, fé e história.

Devoção é um show de samba, uma exaltação a esse gênero musical. O nome do espetáculo é homônimo à canção que tem letra assinada por Rodrigo Paulo, Léo Fé e Nego Chandi.

Janine Mathias já abriu uma apresentação de Elza Soares, dividiu palco com Criolo, Banda Tuyo, Orquestra Friorenta, Karol Conká, entre outros.

Os ingressos já estão sendo comercializados na Central de Relacionamentos do Sesc Cadeião.

Sobre Janine Mathias

A cantora e compositora, Janine Mathias é conhecida justamente por sua cadência musical. Do samba ela não nega suas raízes, é filha de sambista do berço boêmio de Brasília, cidade onde também nasceu e aprendeu nas ruas o RAP que mudou sua história, radicada em Curitiba desde 2009 foi lá que nasceu profissionalmente pra música. Dá voz levemente rouca às rimas, são em suas letras onde ela constrói e rememora sua ancestralidade, influenciada pelo samba, jazz e soul. Embora, seu mergulho musical tenha se dado antes da divulgação do EP “Eu Quero Mergulhar”, realizou em 2012 o espetáculo “Elza, Miltinho e Samba”, dedicado à cantora, Elza Soares e apresentado no Festival de Teatro de Curitiba. Com o sucesso da apresentação, Janine foi convidada para realizar e montar o show “Vozes Negras” abrindo o palco para a própria Elza Soares, no Teatro FIEP. Das parcerias, Janine já se apresentou ao lado de artistas nacionais e internacionais como, Mamy The Skills (Angola), Gól Wayne (Cabo Verde), MC Cabes, Orquestra Friorenta, As Bahias e a Cozinha Mineira, Michele Mara, Karla da Silva, Toninho Geraes, Iria Braga entre outros. Além de ser a idealizadora do projeto itinerante que já foi visto por mais de 10 mil pessoas desde a sua estreia em 2015 o “Samba da Nega” é onde a cantora recebe artistas para exaltar o samba. Janine Mathias e Tássia Reis foram convidadas por Karol Conka para participar de uma mini turnê com o show dirigido por Marcelo Cabral, das apresentações, em Curitiba, elas levaram para o centro da cidade mais de 40 mil pessoas. Em 2017, Janine Mathias realizou a turnê do show “Eu Quero Mergulhar” em todo o estado do Paraná e em seguida entrou em estúdio para a gravação de “Dendê”, Eduardo Brechó e Renato Parmi assinam Produção e Direção Musical do primeiro disco da cantora, o que tudo tempera, um disco com uma roupagem clássica nos arranjos, de linguagem e releitura popular, mostrando a singularidade da união de músicos com uma vivência que dialoga fazendo uma ressignificação musical entre o contemporâneo e o sagrado afro-brasileiro. Julho de 2018, o disco contou com um show de pré estreia com Criolo como convidado especial. Em 2019, trabalha na produção do disco O Rap do Meu Samba, no qual grava canções de compositores paranenses e de outros compositores brasileiros. O disco recebeu produção musical de Rodrigo Campos e está previsto para ser lançado no segundo semestre de 2020.

Ficha técnica
Banda: Janine Mathias, Nábio Rodrigues, Sergio Pires e Gustavo Moro.
Direção musical: Gustavo Moro
Cenografia: Flor do Dia Curitiba – Carol Botto
Produção: Catarina Bertulio Neves Favero de Moraes
Maquiadora: Elisa Galvão Gomes.
Cabelo: Debora Caroline Pereira.
Preparação vocal: Paola Pagnosi Nespolo Bomfim
Cenografia: Carolina Botto de Lacerda e Gleice Batista de Lima.
Stylist: Ana Paula Luz.

Fonte: Divulgação