Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Feira do Peixe Vivo comercializa 14 toneladas de peixes

Feira do Peixe Vivo comercializa 14 toneladas de peixes

Tuesday, 23 de April de 2019

Durante a Tradicional Feira do Peixe Vivo foram comercializadas 14 toneladas de diversas espécies de peixes em Londrina. A população pôde adquirir bagre, carpa, tilápia, matrinxã, pacu e pintado, tudo fresco e com preço diferenciado. A feira aconteceu de quarta-feira (17) a sexta-feira (19), na Praça Tomi Nakagawa, localizada na Rua Benjamin Constant, esquina com a Avenida Leste-oeste, região central.

De acordo com o técnico responsável da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (SMAA), Paulo Gonçalves da Silva, a expectativa era comercializar cerca de 16,5 toneladas. “Com a ajuda dos cinco piscicultores, conseguimos vender a mesma média do ano passado, que foi de 14 toneladas. Apesar desse número ter ficado abaixo da expectativa, os piscicultores ficaram contentes, porque este é um momento de vendas concentradas, onde há grande procura pelo produto, e nós também estamos, porque tudo transcorreu de forma tranquila”, contou.

Feira do Peixe Vivo comercializa 14 toneladas de peixes

Foto: arquivo N.Com

Este ano, foram vendidos bagre e carpa a R$ 13,00/kg; tilápia média por R$ 13,00/kg; tilápia grande a R$ 16,00/kg; matrinxã por R$ 19,00/kg; pacu a R$ 19,00/kg e pintado a R$ 25,00/kg. No ano passado, foram comercializadas também 14 toneladas, por meio de cinco piscicultores. Em 2017, sete produtores participaram e negociaram 16 toneladas ao todo.

Além dos peixes frescos, os consumidores puderam adquirir produtos vendidos nas barracas de lanches, como salgados, pasteis e quiches de vários sabores, inclusive feitos com a carne de peixe. O objetivo da feira é oportunizar aos piscicultores um local adequado para a comercialização de sua mercadoria, sempre próximo ao consumidor final.

Como participar da feira – A Feira do Peixe Vivo faz parte do projeto “Feira de Produtos de Época”, que integra a política de Segurança Alimentar do Município, realizada pela SMAA. O projeto visa disponibilizar, aos produtores, espaços públicos para a venda de produtos no auge da produção.

Aqueles que desejarem participar da 27ª da Feira do Peixe Vivo, em 2020, precisam comparecer até a sede da Secretaria de Agricultura e Abastecimento para fazer a sua inscrição nos meses de novembro e dezembro deste ano. Isso porque a organização da Feira do Peixe começa com, no mínimo, 90 dias de antecedência de sua realização.

A inscrição tem que ser feita com antecedência, porque os técnicos da SMAA fazem vistoriais nos locais de produção e avaliam o cumprimento das normas estabelecidas pela Vigilância Sanitária. Os produtores inscritos devem participar de três reuniões, a contar de janeiro, para a tramitação e a montagem dos estandes. Com essa inscrição aceita, os piscicultores passam a contar com o apoio da Prefeitura de Londrina.