Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Exposição Hiroshima e Nagasaki (1945-2013) no Museu Histórico de Londrina Exposição Hiroshima e Nagasaki (1945-2013) no Museu Histórico de Londrina

Exposição Hiroshima e Nagasaki (1945-2013) no Museu Histórico de Londrina

Wednesday, 09 de October de 2013
Categoria:

Mostra Temporária

O Museu Histórico de Londrina, o Departamento de História e a Pós-Graduação em História Social da Universidade Estadual de Londrina e o Memorial Kimura, convidam para a abertura da exposição Hiroshima e Nagasaki  (1945 – 2013), nesta quinta-feira, dia 10, às 20h30, nas Salas de Mostra Temporária do Museu.

Antecedendo a abertura da exposição, acontecerá às 19h30, mesa redonda intitulada “Sobre Homens, Armas e Guerras: os bombardeios nucleares a Hiroshima e Nagasaki”, tendo como palestrantes o Prof. Dr. Sidnei Munhoz (UEM) que abordará o tema “Os bombardeios Nucleares a Hiroshima e Nagasaki: último ato da Segunda Guerra Mundial ou primeira declaração de Guerra Fria?” e o Prof. Dr. Francisco César Alves Ferraz (UEL) com o tema “Escolhas morais na Segunda Guerra Mundial”.

Essa é uma exposição itinerante e permanecerá no Museu Histórico por aproximadamente um mês. Vinda de Maringá para Londrina, depois seguirá para São Paulo. O objetivo dessa mostra é promover a cultura da Paz e a não proliferação de armas nucleares e também lembrar às pessoas dos efeitos da radioatividade.

Composta por coleção de imagens tiradas por iniciativa das cidades de Hiroshima e Nagasaki e peças do acervo do Museu Histórico relativas à Segunda Guerra. Inclusive fará parte da exposição uma indumentária, doada na década de 80 ao Museu Histórico, pela família Kato. Esse uniforme foi usado por um soldado da Força Expedicionária Brasileira – FEB, de origem japonesa.

Hiroshima e Nagasaki foram as primeiras cidades a experimentaram os horrores de um ataque nuclear e foram imediatamente destruídas. Além disso, os efeitos da radiação emitida pela bomba atômica são observados ainda hoje.

Para convidar à reflexão acerca dos bombardeios atômicos e o estado atual das questões nucleares, bem como sobre a abolição de armas nucleares, as cidades de Hiroshima e Nagasaki organizaram a coleção “Hiroshima-Nagasaki Atomic

Exhibitions” que circula pelo mundo e agora chega a Londrina. Ao recebê-la, a cidade de Londrina compartilha com Hiroshima e Nagasaki o seu apelo pela paz. A exposição foi trazida ao Brasil pela Associação Nagasaki Kenji do Brasil.

Palestrantes:

Prof. Dr. Francisco César Alves Ferraz (UEL)

Algumas pesquisas realizadas:

História Militar, Segunda Guerra Mundial, Força Expedicionária Brasileira.

As expectativas sobre o pós-guerra através dos anúncios publicitários
estadunidenses durante a Segunda Guerra Mundial (1944-1945)

A preparação da reintegração social dos combatentes estadunidenses da
Segunda Guerra Mundial (1942-1946)

Livros publicados sobre o assunto:
A guerra que não acabou: a reintegração social dos veteranos da Força Expedicionária Brasileira (1945-2000).
Os brasileiros e a Segunda Guerra Mundial.
à Sombra dos Carvalhos: Escola Superior de Guerra e Política (1948/1955).
 
Prof. Dr. Sidnei Munhoz (UEM)

Pesquisas realizadas:

Estudos sobre a política externa e a estratégia militar dos EUA no início
do século XXI

O Brasil entre os EUA e a União Soviética na Gênese da Guerra Fria
Estudo das relações diplomáticas estabelecidas entre o Brasil e
os Estados Unidos na primeira fase da Guerra Fria.

Estudo das relações entre a Guerra Fria e a repressão política no Brasil
(1947-1953), através dos documentos diplomáticos norte-americanos.
Revisão bibliográfica sobre a historiografia relativa à Guerra Fria

Livros:
Enciclopédia de Guerras e Revoluções do Século XX: As
grandes transformações do mundo contemporâneo.