Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Exército Brasileiro deve auxiliar Município

Exército Brasileiro deve auxiliar Município

Wednesday, 20 de January de 2016
Categoria:

Com a ajuda militar, será possível instalar uma balsa inflável e uma ponte articulada entre Paiquerê e Guairacá

Com a finalidade de auxiliar nos trabalhos de reparos dos danos causados pelas chuvas do dia 11 de janeiro, o 5º Batalhão de Engenharia de Combate Blindado confirmou a intenção de enviar para Londrina 30 homens, que instalarão uma ponte provisória no Patrimônio de Guairacá, na transposição do Rio Taquara. Antes de instalarem uma ponte articulada, deverá ser colocada à disposição da comunidade uma balsa inflável com capacidade de transporte de 15 toneladas, podendo levar pessoas e veículos.

Essa cooperação técnica entre a Prefeitura e o Exército está sendo firmada mediante solicitação do município. A Prefeitura auxiliará os militares com o alojamento e alimentação. Os militares que vêm a Londrina são do Comando Militar de Porto União (SC).

Os militares estão organizando todos os preparativos e equipamentos necessários para a instalação da balsa e da ponte, mas aguardam a liberação do Comando de Operações Terrestres do Exército Brasileiro (Coter) de Brasília, para se deslocar a Londrina. 

“Aguardamos que o Ministério da Defesa autorize que o 5º Batalhão possa fazer essa intervenção e contribuir para essa solução. A expectativa é recuperar essa estrada para que possamos retomar a normalidade”, disse o prefeito Alexandre Kireeff.  Na semana passada, ele acompanhou a visita feita pelo tenente Anderson Douglas e tenente Marcone, pertencentes ao 5º Batalhão de Engenharia de Combate Blindado.

De acordo com o secretário municipal de Defesa Social, Coronel Rubens Guimarães, a instalação da balsa deve levar em torno de 10 dias para ser finalizada. “A balsa auxiliará na locomoção dos moradores dos distritos que se encontram isolados. Já a ponte ficará instalada até a conclusão da construção de uma via de acesso permanente”, informou.

Fonte: N.Com