Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Campanha da Sema recolhe pneus velhos em Londrina Campanha da Sema recolhe pneus velhos em Londrina

Campanha da Sema recolhe pneus velhos em Londrina

Thursday, 09 de September de 2021

Ação irá ocorrer no estacionamento do Parque de Exposições Ney Braga; população pode entregar quantos pneus desejar

Foto: Vivian Honorato/Arquivo

Você tem pneus velhos, sem uso, com danos irreparáveis e não sabe o que fazer com eles? Para te ajudar a descartar corretamente esses materiais, a Secretaria Municipal de Ambiente (Sema) fará uma ação de recolhimento de pneus inservíveis na quinta-feira da próxima semana (16), das 9h às 16h, no estacionamento do Parque Exposições Governador Ney Braga, que fica na Avenida Tiradentes, 6.275, esquina com Rua Deputado Ardinal Ribas.

O objetivo da ação é receber os pneus que estão armazenados em borracharias da região e que a comunidade tem em casa e não sabe como descartar corretamente. Podem participar da campanha representantes de oficinas mecânicas, empresas de transporte urbano, revendedores e pequenos geradores de resíduo. Serão aceitos todos os tipos de pneus, como de bicicleta, carro, motos, carriolas e caminhonetes.

Com isso, a Sema espera dar a destinação correta para esses materiais, evitando que eles sejam descartados na natureza. O descarte de pneus no meio ambiente é um problema ambiental devido ao elevado tempo de deterioração da borracha, o que causa a poluição do solo e a contaminação de áreas. Isso porque, quando  exposta à luz solar e à chuva, os pneus se desfazem em líquidos e gases, assim como acontece quando eles são queimados e poluem o ar e a água.

“Além da contaminação do solo e da atmosfera, os pneus jogados em terrenos baldios, quintais e calçadas também são fontes para diversas doenças. O mosquito Aedes aegypti, por exemplo, se reproduz na água parada, que pode estar dentro desses materiais e transmite a dengue, a zika e a febre amarela. Além disso, animais peçonhentos podem utilizar esses ambientes escuros como abrigo, o que é um perigo para crianças, adultos e animais domésticos”, explicou a gerente de Educação Ambiental da Sema, Mariza Pissinati.

Fonte: N.Com