Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
ABRINQ divulga o resultado do Programa Prefeito Amigo da Criança

ABRINQ divulga o resultado do Programa Prefeito Amigo da Criança

Friday, 03 de July de 2020

O programa homenageia prefeitos e equipes que contribuíram nas políticas públicas e sociais das crianças e dos adolescentes

Divulgação

A Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos (ABRINQ) divulga, nesta quarta-feira(1), o resultado do Programa Prefeito Amigo da Criança (PPAC). A ação analisa as atividades propostas pelo programa, que foram desenvolvidas desde o início da gestão municipal. Neste ano, por conta da pandemia do novo coronavírus, o resultado será publicado no site da Abrinq, onde constará os municípios que tiveram os melhores avanços.

Entre as atividades que foram desenvolvidas pelo município de Londrina estão debates, seminários, participação no blog da Abrinq com matérias em relação às crianças e adolescentes da cidade, entre outras atividades. Mais de 2.300 prefeitos participaram da 6ª edição do PPAC e 133 chegaram na última etapa. Entre eles, 125 serão reconhecidos como Amigos da Criança.

Segundo a coordenadora de informações da Comissão Municipal de Acompanhamento e Avaliação do Programa Prefeito Amigo da Criança (CMAA-PPAC), Renata Vieira Duarte, a cidade concorre ao Prêmio Boas Práticas, por meio do projeto Central de Vagas. “Estamos concorrendo ao prêmio Boas Práticas da Abrinq, que faz parte do Prefeito Amigo da Criança, em que inscrevemos a Central de Vagas em Londrina como projeto importante para a cidade, com a qual se teve um grande avanço nas questões das matrículas da educação infantil”, destacou.

PPAC – O Programa Prefeito Amigo da Criança (PPAC) mobiliza e apoia tecnicamente prefeitos e prefeitas de todo o país para que qualifiquem as políticas públicas em favor das crianças e adolescentes durante seu mandato. Entre os compromissos, deve-se desenvolver políticas de forma planejada, participativa e sustentável, realizar processo de planejamento com alocação orçamentária nas políticas para a infância e adolescência, entre outros.

Fonte: N.Com