Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Usina Cultural estreia peça teatral “Nó de Forca” neste fim de semana Usina Cultural estreia peça teatral “Nó de Forca” neste fim de semana

Usina Cultural estreia peça teatral “Nó de Forca” neste fim de semana

Thursday, 23 de January de 2020
Categoria:

O espetáculo inédito, promovido em parceria com o grupo EBA Teatro, aborda temas como a depressão e o suicídio

Data Início: Saturday, 25 de January de 2020 às 20:00
Data Término: Sunday, 26 de January de 2020 às 22:00
Usina Cultural estreia peça teatral “Nó de Forca” neste fim de semana

Foto: Divulgação

A Usina Cultural, em parceria com o grupo EBA Teatro, irá promover neste sábado (25) e domingo (26), a partir das 20h, a peça teatral “Nó de Forca”. O espetáculo, que aborda temas como a depressão e o suicídio, é indicado para maiores de 14 anos. A Usina Cultural possui patrocínio da Prefeitura de Londrina, por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic), e fica na Avenida Duque de Caxias, 4159, Vila São Caetano.

Usina Cultural estreia peça teatral “Nó de Forca” neste fim de semana

Foto: Divulgação

De acordo com a produtora da Usina Cultural, Natália Carvalho, a temática do espetáculo traz assuntos que necessitam de atenção. “A sinopse da obra relata a vida de um homem, chamado Roberto, que convive com muitos problemas que o levaram à depressão e, por pouco, ao suicídio. São temas bem discutidos, e bem polêmicos também. As estatísticas mostram como estas questões devem ser debatidas cada vez mais. É urgente e de uma potência necessária. Não tem como não falar”, disse.

Interessados em comparecer ao espetáculo podem comprar ingressos para o evento, diretamente na sede da Usina Cultural até 30 minutos antes do início da apresentação. O valor é de R$10,00.

Esta será a primeira vez em que a peça é apresentada ao público. A obra é uma organização do grupo EBA Teatro e possui direção de Antônio Guilherme Lopes. Compõem o elenco a atriz, Luana Toyoshi, e Romildo Ramalho, responsável pela parte técnica.

Fonte: N.Com