Menu LondrinaTur, portal de Londrina e norte do Paraná
Guias
Lançamento do livro “A Memória é um Pássaro sem Luz” no Museu Histórico de Londrina

Lançamento do livro “A Memória é um Pássaro sem Luz” no Museu Histórico de Londrina

Saturday, 14 de September de 2013
Categoria: agenda
Data: Saturday, 14 de September de 2013

Segundo o autor, Marco Antonio Fabiani, a obra é um romance que mergulha na possibilidade da memória como elemento de libertação, um território onde o ser humano procura encontrar seu lugar no mundo, seja seu jeito de colocar os pés no chão, ou o modo de olhar para o céu.

O livro narra a história de Izabel, uma mulher que nasceu e cresceu num pequeno vilarejo chamado Enseadas. Criada pelos avôs numa fazenda, conheceu a vida através dos elementos naturais.

Conheceu o mundo através da beleza das estações e, ao mesmo tempo, através da violência das secas e inundações. Mais do que isso, conheceu a face da humanidade entre a calma e a fúria da natureza.

O Autor

Marco Antônio Fabiani, nasceu em Ribeirão Claro, no norte pioneiro do Paraná. é médico cardiologista, formado em Londrina em 1980. Na universidade participou intensamente dos movimentos estudantis, que eclodiram em meados da década de 70, reivindicando a redemocratização do país.

A vivência com estudantes de diversas áreas, principalmente jornalistas, despertou nele interesse pelos textos. Desde essa época escreve com regularidade. Inicialmente eram textos militantes. Mas desde que se formou vem se dedicando a textos literários. Seu livro de estréia, “Trilhas do fogo” foi lançado em dezembro de 2004. Trata-se de uma coletânea de contos.

Em 2005 lançou um segundo volume, “Contos de Pau e Pedra” e em 2009 “Histórias de um Norte Tão Velho” Todos pela Atrito Art Editora. Tem textos publicados na revista CULT (nº 100). O conto “As três pontas do laço” obteve menção honrosa no concurso da Newton Sampaio da Secretaria de Cultra do Paraná – 2006.

Atualmente trabalha no consultório e vários hospitais de Londrina. Divide o tempo entre medicina e literatura. E entende que são áreas que se encontram, principalmente pelo caráter profundamente humanista de ambas.